domingo, 21 de agosto de 2011

CONSAGRAÇÃO À NOSSA SENHORA DE NAZARÉ


Senhora de Nazaré, / da antiga raiz de Jessé, / da casa real de Davi, / descendente de São Joaquim e Sant’Ana, / sempre que a angústia, o medo e a solidão me abatem, / me entrego em teus braços, ó Mãe. / Como criança carente / em busca de alivio, carinho e proteção, / mergulho em teu Coração Imaculado / e consagro a ti, querida Mãe, / o meu passado e todas as minhas lembranças, / o momento presente e todas as suas aflições, / o meu futuro e a Vida Eterna que Deus me reserva no Céu. 

O Sacramento do Batismo, / que um dia recebi, / me tornou filho(a) de Deus e filho(a) teu, ó Mãe. / E fez-me também herdeiro(a) de seu Reino. / Por isso, venho agora renovar diante de ti, / ó Virgem de Nazaré, / as promessas do meu Batismo. / E para que eu possa ser fiel a elas até o fim de minha vida, / peço a tua intercessão junto ao teu Filho Jesus. 
Doce Senhora de Nazaré, / a ti consagro, agora, as minhas aspirações, / meus projetos, meus sonhos, / minha missão, minhas realizações, / tudo o que tenho e tudo o que sou. / Consagro, também, / todos os dias restantes de minha vida terrena, / pedindo por eles a tua intercessão / e a tua benção materna, / para que sejam dias serenos, / cheios de paz e de muitas graças. 

Quero também te consagrar desde já, / Senhora de Nazaré, / o momento de minha morte / quando, por tuas mãos, / e amparado(a) pelos braços de teu esposo São José, / poderei finalmente ver o teu rosto, / abraçar teu Filho Jesus / e contemplar a glória do Pai, / no amor infinito do Espírito Santo. / Amém! 

   Nossa Senhora de Nazaré, rogai por nós

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aguarde moderação do comentário. Obrigada!

Postar um comentário